Growlers: inovação batendo à porta


No começo do século XX, era comum ver garotos circulando com baldes metálicos cheios de cerveja pelas ruas de Nova York. Crianças buscavam a bebida em pequenas cervejarias locais para seus pais consumirem quando voltassem do trabalho à noite. Se nos Estados Unidos a tradição do growler é centenária, no Brasil ele desembarcou recentemente.

Um dos utensílios mais autênticos do mundo cervejeiro, o growler ganha novos adeptos no nosso país. Ancorada pelos valores de sustentabilidade e de estímulo à economia local, a cultura do growler cresce em meio a um mercado dominado por latas e garrafas e tem chamado a atenção até mesmo das grandes indústrias de bebidas.

O Brasil é um país genuinamente cervejeiro e a cerveja é um dos componentes da identidade nacional. O brasileiro, por sua vez, tem no líquido sagrado o ponto de partida para alguns dos hábitos mais característicos de nossa cultura. O futebol com os amigos, o churrasco de domingo, o almoço de família: tudo gira em torno da cerveja. Nosso mercado de cervejas artesanais é outro exemplo. As taps, as fontes de recarga dos growlers, estão se multiplicando pelas grandes cidades. Ou seja, fazer com que o cliente possa beber cerveja artesanal fresca onde, quando e com quem quiser é a bola da vez. É o cliente levando o produto aonde o microcervejeiro não poderia levar antes.

Inovação e mais receita

O growler resgata a forma original de se beber cerveja: direto da fonte. O hábito é aprovado por mestres cervejeiros e donos de bares, pubs e lojas especializadas que têm apostado na incorporação do growler no contexto do consumo de cervejas artesanais. Esta é uma uma visão empreendedora, um posicionamento que vai além da aposta, pois a nova forma de fornecer e consumir cerveja pode representar um incremento de 20% na receita desses tipos de estabelecimentos.

Consumo sustentável

Ao mesmo tempo, há um movimento crescente na população sobre pensamento sustentável. Os acalorados debates sobre ciclovias, o advento da reciclagem do lixo doméstico, a expansão dos eletro-eletrônicos que consomem menos energia, tudo isto faz parte de nossa rotina. Com o growler, deixamos de descartar no meio ambiente milhares de latas e garrafas, sem contar a redução do impacto ambiental gerado pelo envase e distribuição da cerveja.

Somado a estes fatores, ainda vem a expansão do mercado cervejeiro, impulsionada por todos nós. Entendemos que é comum ter medo das inovações, achar que elas roubarão nosso espaço, mas o empreendedor sabe que ela vem para colaborar e estimular o crescimento em quantidade e qualidade. A relação entre Uber e taxis está aí para nos servir de exemplo. Então, de que lado ficaremos? Do que foge da inovação ou do que corre em direção a ela?

#cervejabrasileira #bar #mygrowler #mygrowler #growler #brasil #cervejaartesanal #microcervejaria

0 visualização

2018 - Todos os direitos reservados para MY GROWLER COMÉRCIO ELETRÔNICO LTDA - ME.